Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2011

50 Receitas

(Leoni)
Eu respiro tentando Encher os pulmões de vida Mas ainda é difícil Deixar qualquer luz entrar...
Ainda sinto por dentro Toda dor dessa ferida Mas o pior é pensar Que isso um dia Vai cicatrizar...
Eu queria manter Cada corte em carne viva A minha dor Em eterna exposição E sair nos jornais E na televisão Só pra te enlouquecer Até você me pedir perdão...
Eu já ouvi 50 receitas Pra te esquecer Que só me lembram Que nada vai resolver Porque tudo Tudo me traz você E eu já não tenho Pra onde correr...
O que me dá raiva Não é que você fez de errado Nem seus muitos defeitos Nem você ter me deixado Nem seu jeito fútil De falar da vida alheia Nem o que eu não vivi Aprisionado em sua teia...
O que me dá raiva São as flores E os dias de sol São os seus beijos E o que eu tinha Sonhado pra nós...
São seus olhos e mãos E seu abraço protetor É o que vai me faltar O que fazer do meu amor?...
Eu já ouvi 50 receitas Pra te esquecer Que só me lembram

Meus dias sem Você !

Meus dias sem você são tão obscuros Tão longos, tão acinzentados Meus dias sem você Meus dias sem você são tão absurdos Tão azedos, tão duros Meus dias sem você Meus dias sem você não têm noites Se alguma aparece, é inútil dormir Meus dias sem você são um desperdício As horas não têm princípio nem fim
Tanta falta de ar Tão cheios de nada Sucata imprestável Lixo no chão Moscas na casa
Meus dias sem você são como um céu Sem luas prateadas nem rastros de Sol Meus dias sem você são só um eco Que sempre repete a mesma canção
Tanta falta de ar Tão cheios de nada Sucata imprestável Lixo no chão Moscas na casa
Pisando nas pedras Ainda sigo esperando que volte comigo E ainda sigo buscando nas caras de velhos Pedaços de crianças Procurando motivos que me façam crer Que ainda tenho vida Roendo minhas unhas Afogando-me em pranto Sentindo tanto a sua falta
Meus dias sem você Como doem os meus dias sem você

A "Perva" e a carência

Todo homem (e algumas mulheres tb), idealizam aquele tipo de relacionamento em que há sexo em excesso, perversidade em excesso, luxúria em excesso e digo, isso é ÓTIMO, um delírio, uma deliciosa loucura, realizando todas as fantasias existentes e possíveis, porém, pelo menos 1 dia em meio a essa loucura, a gente sente falta de um carinho, sabe, aquele abraço mais demorado, um beijinho mais delicado, algo que aconchegue. Muito homens não entendem isso, ou fingem não entender, acham que o "pedido" por carinho, a mudança no modo de falar, já queira indicar uma cobrança, um algo mais, um avanço na situação e não é bem assim.
Até os homens mais brutos sentem falta de carinho, e a mulher por si só já é carinhosa,  porém quando não há uma troca à altura vem essa situação embaraçosa em que é preciso "pedir" carinho, chamar atenção, ter um breve "DR".... de repente parece que tudo se quebra, aquela fantasia, aquele sonho perverso vira um pesadelo... ele recua, mud…